Menu

Por que temos vontade de apertar cães fofinhos?

1 de junho de 2016 - Vida Sustentável
Por que temos vontade de apertar cães fofinhos?

[ad_1]

Sabe quando você vê um cachorro muito fofo e vem aquela vontade incontrolável de abraça-lo bem apertado? Esse fenômeno já foi tema de um estudo realizado nos Estados Unidos e recebeu o nome de “agressão fofa”.

Pesquisadores mostraram fotos “fofas”, “engraçadas” ou “neutras” de cães para 109 pessoas.

Então, os participantes da pesquisa tinham que responder se concordavam com algumas afirmações como “eu não consigo lidar com isso”, “é tão fofo, eu quero morrer!” ou se queriam agarrar o pet. Quanto mais fofo era o animal, mais agressiva era a resposta.

 

(Foto: Reprodução / Bark Post)

(Foto: Reprodução / Bark Post)

 

Rebecca Dyer, estudante de psicologia da Universidade Yale, liderou o estudo em 2013 e falou sobre esse resultado:

 

Nós pensamos que é sobre um efeito altamente positivo, uma orientação de aproximação e quase uma sensação de perda de controle. É tão adorável que te deixa louco.

 

Para saber se essa agressão era apenas verbal ou se as pessoas realmente iriam esmagar animais ou bebês lindos, os pesquisadores realizaram um segundo experimento. Os voluntários receberam um pedaço de plástico-bolha para apertar enquanto viam mais algumas fotos.

Ao ver imagens de animais fofinhos, as pessoas estouraram cerca de 120 bolhas. E, quando viram fotos engraçadas ou neutras, elas estouraram entre 80 a 100 bolhas.

Diante desses experimentos, Rebecca sugeriu que uma das razões para a “agressividade” acontece porque queremos cuidar do animal ou bebê bonitinho. Mas, como se trata de uma foto e não podemos tocar nele de verdade, acabamos ficando frustrados.

Ela também acredita que existe uma segunda possibilidade: às vezes, vemos algo que traz um bom sentimento de uma maneira negativa, como chorar de felicidade. É como se o excesso de fofura fosse demais para nós e essa vontade agressiva seria uma maneira inconsciente de controlar a alta energia disparada em nosso corpo diante de cenas fofas.

 

 

 

Fonte: PopSci

[ad_2]

Tags:
Total